Saudações, meus queridos amigos!

O mês de junho chegou e com ele vem o dia dedicado àquelas pessoas essenciais à nossa sociedade: o Doador de Sangue. Celebrado no dia 14 de junho, o Dia Mundial do Doador de Sangue visa homenagear quem se compromete ao gesto solidário de doar sangue, além de conscientizar novas pessoas sobre a necessidade desse ato.

Infelizmente, os hospitais constantemente se veem na situação de esgotamento do estoque de sangue. Isso acontece, pois muitas pessoas que podem doar não o fazem, seja por receio ou desinformação.

Por isso, meus amigos, leia abaixo tudo que você precisa saber sobre a doação de sangue, e não hesite em ir ao Hemocentro mais perto de você para realizar uma doação. O processo é 100% seguro e fazendo isso você pode salvar muitas vidas!

Qual a importância da doação de sangue?

Doar sangue é uma ação beneficente de doar uma pequena quantidade do próprio sangue para salvar a vida de pessoas que precisam de tratamentos médicos de grande porte, como transfusões, transplantes, procedimentos oncológicos e cirurgias, além dos feridos em acidentes ou calamidades.

Pacientes com doenças crônicas graves, como Doença Falciforme e Talassemia, também precisam da doação de sangue para que possam viver por mais tempo e com mais qualidade de vida.

Uma única doação pode salvar até quatro vidas. Um simples gesto de amor e solidariedade pode gerar muitos sorrisos. Por isso, meu amigo, faça sua parte para ajudar a nossa comunidade doando sangue.

Saiba como e porque doar sangue

Quais são os requisitos para doar sangue?

Podem doar sangue pessoas entre 16 e 69 anos e que pesam mais de 50kg. Além disso, é preciso apresentar documento oficial com foto e menores de 18 anos só podem doar com consentimento formal dos responsáveis.

Os requisitos para doar sangue é estar em bom estado de saúde e seguir os seguintes passos:

  • Estar alimentado. Evite alimentos gordurosos nas 3 horas que antecedem a doação de sangue.
  • Caso seja após o almoço, aguardar 2 horas.
  • Ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas.
  • Pessoas com idade entre 60 e 69 anos só poderão doar sangue se já o tiverem feito antes dos 60 anos.
  • O intervalo mínimo entre uma doação de sangue e outra é de dois meses para os homens e de três meses para as mulheres.

Quando não posso doar sangue?

  • Gripe, resfriado e febre: aguardar 7 dias após o desaparecimento dos sintomas;
  • Período gestacional;
  • Período pós-gravidez: 90 dias para parto normal e 180 dias para cesariana;
  • Amamentação: até 12 meses após o parto;
  • Ingestão de bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação;
  • Tatuagem e/ou piercing nos últimos 12 meses (piercing em cavidade oral ou região genital impedem a doação);
  • Extração dentária: 72 horas;
  • Apendicite, hérnia, amigdalectomia, varizes: 3 meses;
  • Colecistectomia, histerectomia, nefrectomia, redução de fraturas, politraumatismos sem seqüelas graves, tireoidectomia, colectomia: 6 meses;
  • Transfusão de sangue: 1 ano;
  • Vacinação: o tempo de impedimento varia de acordo com o tipo de vacina;
  • Exames/procedimentos com utilização de endoscópio nos últimos 6 meses;
  • Ter sido exposto a situações de risco acrescido para infecções sexualmente transmissíveis (aguardar 12 meses após a exposição).

Quem não pode doar sangue?

  • Pacientes que passaram por quadro de hepatite após os 11 anos de idade;
  • Evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças transmissíveis pelo sangue: Hepatites B e C, AIDS (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I e II e Doença de Chagas;
  • Uso de drogas ilícitas injetáveis;
  • Malária

Como é o processo de doação de sangue

O procedimento para doação de sangue é simples, rápido e totalmente seguro. Não há riscos para o doador, porque nenhum material usado na coleta do sangue é reutilizado, o que elimina qualquer possibilidade de contaminação.

Primeiro é feito um cadastro do doador que identifica a pessoa, para tanto é necessário apenas um documento de identificação com foto. Depois, o doador é orientado sobre todos os processos da doação, e esclarece suas dúvidas.

Então, é feita uma triagem onde são verificados: a pressão arterial, o pulso, o peso, a temperatura e realizado o teste de anemia. Também acontece uma entrevista que tem como objetivo caracterizar riscos para o receptor e verificar contraindicações a doação.

Após a coleta, os hemocomponentes permanecem em “quarentena” aguardando a liberação dos resultados dos exames, isto é, cerca de 24 a 48 horas. Só depois são disponibilizados para serem transfundidos. Finalmente, a doação vai para os hospitais, sendo compatibilizados para os pacientes que necessitam.

Onde doar sangue?

Para doar sangue, basta procurar as unidades de coleta de sangue, como os Hemocentros, ou as coletas de equipes móveis. Confira quais são os pontos de doação de sangue da nossa região:  

Posto Unicamp – Hemocentro

Endereço: Rua Carlos Chagas, 480, Cidade Universitária, “Zeferino Vaz”, Barão Geraldo – Campinas – SP Tel: 0800-722-8432 (19) 3521-8705 Horário de atendimento: Seg a Sáb (Inclusive Feriados): 7:30h – 15:00h  

Posto Mário Gatti – Hospital Municipal Dr. Mário Gatti

Endereço: Av. Prefeito Faria Lima, 340 Pq. Itália – Campinas – SP Tel: (19) 3272-5501 (19) 3772-5758 Horário de atendimento: Seg a Sáb (inclusive em feriados):  7:30h – 15:00h  

Posto Sumaré – Hospital Estadual de Sumaré

Endereço: Av. da Amizade, 2400 Jardim Bela Vista – Sumaré – SP Tel: (19) 3883-8909 (19) 3883-8900 Horário de atendimento: Seg a Sex : 7:30h – 12:00h  

Posto Piracicaba – Hemonúcleo

Endereço: Rua Silva Jardim, 1700 (Antigo prédio do ‘Saúde Inteligente’, dentro do complexo da santa casa) – Piracicaba – SP Tel: (19) 3422-2019 Horário de atendimento: Seg a Sex : 07h30 – 13h00

Conclusão

O sangue é insubstituível e sem ele é impossível viver. Por isso, meus queridos, é importante adotarmos o hábito solidário da doação regular e espontânea de sangue. O objetivo é manter os estoques de sangue sempre abastecidos e não apenas em datas específicas ou quando algum conhecido precisar.

Agora que vocês, meus amigos, entendem a importância desta ação e sabem que é totalmente segura, vá ao hemocentro mais próximo e doe sangue regularmente. Vidas dependem de você!

Até a próxima, meus amigos!